Os êxtases das Vaquejadas

Bebidas em vaquejadas, um problema que não tem fim. É lamentável que até hoje ninguém tenha percebido que neste ambiente não combina bebidas com frascos de vidro, que consequentemente é uma grande arma letal em brigas já que são constantes. É um problema que todos sabem que existe, mas ninguém tem solução pra esta incógnita.

Quando tem vaquejada “Eu tô dentro” está é uma expressão muito utilizado pelos nordestinos. Na noite de 26 de outubro tivemos na nossa cidade uma Mega festa de vaquejada a do parque Arapuá. Onde na festa apresentaram 3 bandas: Swing do Forró, Forró do Muido, Forrozão Areio de Ouro. Tudo ia bem até o fim da festa, de repente uma briga com pessoas aparentemente bêbadas, onde um jovem ficou tremendamente ensangüentado. O episodio foi horrível pra quem viu, veja uma foto com o sangue deste individuo:

About these ads

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 309 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: